Como se manter motivado na direção ´certa´ (o segredo está no ´amaiéio´)

amaieio de alegria

Faz um ano, comecei o hábito de ter um ´journal´, uma espécie de diário onde não escrevo diariamente mas quando me vem ideias ou quando faço coaching comigo mesma (autocoaching). Enfim, registros da minha jornada (agora fez sentido o nome do caderninho, né?). É muito legal rever meu progresso e isso também me ajuda a ter clareza dos próximos passos.

Há uma semana, comuniquei minha saída de uma vez por todas do mundo corporativo. Neste meu último ´emprego´ (era bem mais que isso, porque eu tinha a liberdade de construir o negócio com meus parceiros) eu trabalhava com pessoas fantásticas e que carrego no coração como família. Pretendo que continue assim. O que eu decidi mudar foi o objeto do meu trabalho.

Quando decidi ser coach no finalzinho de 2013, tive certeza absoluta de que impactar e transformar pessoas era um dos meus propósitos de vida (acredito que eu tenha outros, como criar a minha filha, por exemplo). De lá pra cá, trabalhei o coaching em paralelo porque financeiramente eu não tinha uma reserva que me permitisse dedicação total a nova profissão. Ainda estou construindo minha reserva, mas o chamado para mergulhar de cabeça  no coaching ficou muito, muito forte e resolvi tomar coragem para arriscar. Creio que já tenha as ferramentas necessárias para me motivar, manter o foco e a energia para fazer essa virada de vez. Isso sem falar no apoio de pessoas queridas e inspiradoras (inclusive as do meu ex-trabalho).

No dia anterior a minha saída, abri um novo diário. Escolhi um amarelo alegria, ou como eu dizia quando criancinha, ´amaiéio´. Foi a primeira cor que eu pronunciei e ainda hoje, é uma das minhas favoritas, junto com o verde bandeira e o vermelho paixão, cores da bandeira rastafári, embora eu não siga esse movimento (Desculpa a digressão. ´Is this Love´ do Bob Marley me veio a cabeça). Amarelo para mim é alegria, é vida, sou eu no meu melhor com todo aquele potencial com o qual a gente nasce e vai podando quanto cresce, sabe? Por isso, comecei o diário escrevendo as minhas motivações para começar este novo livro da minha vida.

Aproveitei a enorme dor que sentia pela minha filha estar voltando para a casa do pai após um delicioso final de semana comigo (ela não mora comigo faz 3 anos. Mas isso é uma oouuutra historia que conto depois). Domingo a noite para mim é sempre um desafio emocional. Daí, peguei essa dor bem doida e coloquei no papel toda a minha motivação para fazer a minha virada. Também escrevi o que me inspira, o que mais me alegra em seguir minha jornada.

Somos movidos por querer fugir da dor e por buscar o prazer. É bom ter os dois lados claros para motivar suas ações na direção certa (este certo é particular de cada um)Se você for motivado só pela dor, uma vez que ela diminua, murcha sua motivação. É o caso clássico do cara que sente dores fortes, vai ao médico, toma o remédio indicado e quando a dor some, para o remédio, embora a recomendação do médico tenha sido para tomá-lo por mais tempo, até de fato se curar.

É bom que esta sua motivação esteja escrita em algum lugar, onde você possa vê-la todo dia ou lê-la sempre que precisar se lembrar de porque faz o que faz (ou deixar de fazer uma porção delas, aquele famoso  ´saber dizer “não”´).  No meu caso, essa motivação tá lá no meu diário amarelo, estampada na primeira página. Eu olho para ela todas as manhãs, quando faço meu ensaio mental (ou visualização) dessa visão ou direção que quero seguir. Aliás, ensaio mental é outra técnica fundamental para se manter no caminho.

Hoje no meu diário, reescrevi meus valores e os coloquei em ordem de importância. Sabia que todo mundo tem uma hierarquia de valores e que ela pode mudar com o tempo? É fundamental sabermos o que realmente importa pra gente em nossa vida e ficarmos atentos ao quanto disso estamos vivendo, satisfazendo. Isso é o que nos faz ficar felizes, nos dá força para seguir em frente, amarelinhos de alegria.

Falando em seguir em frente, é isso que quero deixar para você aqui, os relatos da minha jornada para uma vida plena, com mais calma, clareza e contentamento.

Resumindo:

  • saiba quais os seus valores e a hierarquia pela qual você opera (valores são suas necessidades mais fundamentais na vida e governam todas as suas decisões)
  • escreva seus valores hierarquizados e os tenha sempre a mão para ler e reler e te motivar.
  • faça ensaios mentais diários da direção que você deseja seguir (inclua pelo menos 3 dos seus 5 sentidos: veja, ouça e sinta como estará quando chegar onde quer)

 

#motivadores #valores #motivacao #visualizacao #ensaiomental #PNL

 

 

 

 

Anúncios

2 comentários sobre “Como se manter motivado na direção ´certa´ (o segredo está no ´amaiéio´)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s